segunda-feira, 26 de agosto de 2013

Governo de Minas demite concursados da MGS



Estão acontecendo cortes no orçamento do governo de Antônio Anastasia, como foi anunciado para a grande imprensa há poucas semanas. O que a população de Minas Gerais ainda não sabe é o que isso significa na prática. Estão acontecendo demissões de trabalhadores concursados sem nenhum direito, aprofundando o ataque aos trabalhadores comum ao governo do PSDB.

Porém isso não é novidade em nosso estado, mas sim o resultado do Choque de Gestão, que ataca os trabalhadores e teve isso no governo de Aécio Neves e continua até os dias atuais. Estas demissões estão acontecendo na empresa pública Minas Gerais Administração e Serviço - MGS, que vem sofrendo com demissões arbitrárias e cortes de direitos já há mais de um ano. Mas agora a coisa ficou pior.

Você sabia?

A MGS é uma empresa pública, 100% ligada à Secretaria de Planejamento e Gestão de Minas Gerais - Seplag. Os trabalhadores da MGS prestaram concurso público, e que mesmo sendo regidos pelas leis da CLT (Consolidação das Leis do Trabalho) possuem alguns direitos similares à outras empresas públicas e também à empresas regidas pela CLT como a Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos, a CEMIG, a Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU).

Mas o governo de Minas e a direção da MGS estão desconsiderando as leis e demitindo arbitrariamente, sem processo administrativo, descumprindo inclusive a norma interna da empresa e a Resolução 40 da própria Secretaria de Planejamento e Gestão, que diz que para demitir é necessário abrir processo administrativo na empresa.

Você sabia?

A MGS é uma empresa que possui cerca de 22 mil trabalhadores em todo o estado de Minas. E está em todos os órgãos e secretarias do governo como Secretaria de Saúde, Educação, Cultura, Meio Ambiente, Defesa Social, Planejamento de Gestão, além de lugares como as UAI's (Unidade de Atendimento Integrado), Hospital João XXIII, IPSEMG e até no Palácio das Artes, ou seja, sem os trabalhadores da MGS o estado para!

Você sabia?

O estado está demitindo pelo menos 270 trabalhadores da MGS por mês. Sem cumprir as leis garantidas pela própria empresa pública, configurando demissão em massa.

Privada nos UAI's, precarizando imensamente o serviço prestado à sociedade e aumentando o lucro dos seus amigos empresários. 

Por isso os trabalhadores da MGS estão se organizando e realizando atos contra as demissões.

8 comentários:

Existe também um fato muito grave: A CONIVÊNCIA DOS SINDICATOS !! Nos últimos anos além de "RIFAR" os funcionários em acordos obscuros com a MGS os sindicatos muito mais preocupados com sua sobrevivência (contribuições, etc) DELIBERADAMENTE ESTÃO ATRASANDO AS CONVENÇÕES COLETIVAS para só serem homologadas após as demissões do começo do ano! Ou seja: fingindo lutar por algum "direito ou reinvindicação" apenas para atrasar os acordos. Assim os funcionários demitidos recebem o acerto com base na CCT anterior ! FLAGRANTE DESONESTIDADE! Tanto é que no final os sindicatos tem aceitado aquilo que a MGS já havia imposto... ESTE ANO PARA O SEAC ESTÃO "SEGURANDO" A CCT 2014 que tem data base em 1º de Janeiro, já aguardando o corte do Governo de Minas para que as demissões ocorram antes que a convenção seja homologada. Já são varios anos q embora a data base seja 1º de janeiro - e o instrumento de registro no MTE já deveria está em andamento ou concluido antes do final do ano para ter efeitos na data base - mas só é homogado depois das "DEMISSÕES" do começo do ano. Assim os funcionários saem no prejuizo... HÁ QUE SE PRESSIONAR OS SINDICATOS E VERIFICAR O ANDAMENTO DO INSTRUMENTO COLETIVO!!!! A MGS é tão manipuladora que inclusive "criou" um sindicato para quem trabalha na informatica... pouca representativade, sindicatos de fachada.

Façam download único de dados do site www.transparencia.mg.gov.br depois filtrem por NMEFET, selecionando somente as células vazias. Tirando secretários, subsecretários, alto escalão e alguns diretores, vão encontrar muita gente atoa ganhando um bom dinheiro. Sugiro irem até os órgãos e investigarem, fazer videos. Um dos maiores cânceres da administração pública se chama Ocupantes de Cargo de Recrutamento Amplo. Já trabalhei pela MGS e hoje como efetivo continuo sofrendo com esta corja de vagabundos. Não gosto de generalizar. Há os cargos de confiança que são necessários para política, há pessoas qualificadas. Mas há um povinho que pelo amor de Deus. Não sabe nada, não quer saber de nada e está ai há 20 anos mamando. Façam o que eu disse. Peguem os nomes e comecem a investigar e perceberão quem trabalha e quem não está nem ai com a desculpa de que não tem vaga garantida.

Tem que haver união. Façam contato com os trabalhadores da MGS de todos os órgãos. Há uma classe de efetivos em desvio de função também em alguns órgãos que estão infelizes. Procure unir forças. Atualmente estamos na era da tecnologia. Usem e abusem das redes sociais, façam listas de e-mail e mobilizem-se. Utilizem o argumento apresentado acima.

Os funcionários da MGS, estão se reunindo. Junte se a nos.

Acabo de receber telegrama referente ao cumprimento de aviso prévio. Perda de posto de trabalho...

Recebi o telegrama ontem, dia 5. Motivo: encerramento do posto de trabalho (telefonista).

Também recebi o telegrama referente ao cumprimento de aviso prévio dia 28,sexta-feira.Parece que os telefonistas de todas as SREs foram demitidos.

Vocês estão se mobilizando de verdade povo? Pelo amor de Deus. Já se acomodaram? Eu estou aqui vendo uma tristeza danada pois serão demitidos alguns do meu setor. Como disse, vocês tem que atacar os ocupantes de cargos de recrutamento amplo primeiramente. Eles estão ocupando o seu lugar e o lugar de efetivos que passaram na prova. Não se trata de perseguição, mas, eu já estou no estado há alguns anos e sempre sofri com gente nesta posição sendo oportunista. Há sim, pessoas comprometidas. Mas, provavelmente eu não tive sorte. Usem o argumento. Tem gente ocupando cargo alto e massacrando MGS em regionais, e em BH mesmo. Usem o argumento. Não é enxugar a máquina e cortar gastos. Então tira quem é ruim de gestão, quem é ruim pra lidar com os outros, quem é ruim de tudo e vive rindo e fazendo politicagem. Abracem esta causa. Levantem esta bandeira.

Postar um comentário