quinta-feira, 2 de abril de 2015

Trabalhadores em educação entram em greve contra a retirada de direitos no RN


Passeata em defesa da Educação em São José de Mipibu (RN)
No dia 31 de março, os trabalhadores em educação do município de São José de Mipibu (RN) ocuparam as ruas da cidade. A categoria está em greve desde o dia 19 de março contra a retirada de direitos promovida pelo prefeito Arlindo Dantas (PMDB), pai do atual vice-governador Fábio Dantas (PCdoB).

De maneira autoritária o prefeito, em conluio com a Câmara Municipal, atacou os direitos dos trabalhadores, já assegurados há anos. Não bastasse isso, ainda cortou o ponto dos trabalhadores em greve, cortou o repasse das contribuições sindicais e persegue os trabalhadores em luta.

Por tudo isso, às 8 horas da manhã, se deu início a concentração de professores, funcionários, pais e alunos. Depois dos informes dos advogados do sindicato, os trabalhadores, junto com pais e estudantes, saíram as ruas de São José com palavras de ordem como “o povo está na rua, prefeito a culpa é sua”, bandeiras negras - representando o sentimento de luto diante do descaso com a educação mipibuense - e falas denunciando o caos inst
alado.

Ao chegar à prefeitura se deu prosseguimento das falas, entre elas a do Movimento Luta de Classes, que estava presente no ato. Em seguida uma comissão foi recebida, mas a resposta da Prefeitura foi negativa às reivindicações, demonstrando intransigência e autoritarismo diante da categoria. Diante desta arrogância, que configura em um crime contra a educação pública, a resposta dos trabalhadores foi o fortalecimento da luta, da mobilização e da greve.

Redação RN do jornal A Verdade.

0 comentários:

Postar um comentário